Publicidade
Pedro Botelho
Crónica do Director 30 de Agosto
Opinioes
Mais Opinões
Publicidade
Empresas Comunidade soliária
Portais Universos Blogs
Publicidade
Berta Cabral promete defender a classe média
Polí­tica

Berta Cabral promete defender a classe média

A líder do PSD/Açores lembra que o PS está amarrado a um memorando que traz as medidas da Troika para a Região.

A candidata do PSD/Açores a Presidente do Governo afirma que só um executivo liderado por si está em condições de defender a classe média açoriana, lembrando que o PS está “amarrado” a um memorando que “traz as medidas da 'troika'” para a Região.

“Estamos em condições de poder defender a classe média. Não estamos amarrados a nenhum memorando, como está o PS. O PS assinou um memorando que traz para os Açores as medidas da 'troika'. O PSD não está vinculado a esse memorando”, afirmou Berta Cabral durante uma acção de campanha na vila da Povoação.

A líder social-democrata salientou que, assim que caso forme governo, o memorando assinado entre o Executivo Regional socialista e a República “é para renegociar”, de modo a minimizar o impacto nas famílias e empresas açorianas das medidas de austeridade da 'troika'.

“Nós vamos tomar medidas para apoiar a classe média”, garantiu.

Berta Cabral assegurou também que a diferenciação fiscal de 30% entre a Região e o Continente “é para manter”, dado que “o PSD não está vinculado a nenhum memorando”.

A candidata do PSD/Açores referiu que está “de mãos livres” para renegociar o memorando de entendimento assinado entre o governo regional do PS e a República e para atenuar os efeitos das medidas negativas que possam afectar o rendimento das famílias no arquipélago.

“O diferencial fiscal é para manter nos Açores”, frisou, recordando que alertou em devida altura para o facto de estar em causa “uma machadada na Autonomia” e que o Governo Regional socialista “não fez caso” disso.

“Eu bato o pé ao doutor Passos Coelho, mas nunca vi o Governo Regional do PS bater o pé ao engenheiro Sócrates”, afirmou.

JornalDiario

2012-10-09 14:00:00

Imprimir notícia